quinta-feira, 15 de agosto de 2019

Atividades no apiário ao longo do ano







Um apiário é um conjunto de colmeias, nas quais se faz criação de abelhas.



A apicultura é a criação de abelhas essencialmente para a produção de mel, pólen, cera, própolis e outros produtos em menor quantidade como geleia real, veneno de abelha e pão de abelha. É uma atividade muito antiga, e as suas origens encontram-se já na pré-história. São conhecidos os desenhos descobertos em cavernas, mostrando o homem primitivo colhendo o mel de um enxame. A Bíblia também faz inúmeras referências ao mel e enxame de abelhas. A abelha é o único inseto que foi domesticado pelo ser humano.


Aqui vamos fornecer informações sobre as atividades que deve desenvolver, ao longo do ano, nos seus apiários.


Janeiro


É de todo conveniente que as abelhas passem o Inverno bem protegidas dos rigores da estação e tenham alimento reservado em abundância. Se não tiverem deve dar alimento de manutenção com pouca umidade.




Aproveite o período de repouso para mudar as colmeias ou cortiços para lugares com melhor exposição. 

Pode também esticar arames e colocar cera nos quadros que vai colocar brevemente nas colmeias, para que a cera tenha uma boa aceitação nunca coloque cera com muita antecedência.


Pode também limpar os apiários com a roçadora não incomodando tanto as abelhas e por vezes na primavera o tempo não chega para tudo.



Recolher colmeias mortas e recuperar cera. 

Mandar moldar a cera para a campanha que se avizinha.




Fevereiro


Faça o tratamento á varroa pelo menos 60 dias antes da previsão de colocação de alças para produção.


Dum modo geral, as obreiras iniciam por toda a parte a colheita, pelo que se deve dedicar muita atenção à vida do apiário.




Faltando mel ou pólen, temos de fornecer quaisquer um dos substitutos que são: alimentos líquidos a preparar ou alimentos prontos a usar (beecomplet, apicar liquido) ou alimentos sólidos, nos alimentos líquidos pode complementar com farinha de soja, levedura de cerveja ou proteínas

Pode também fazer o seu alimento adquirindo beefondant e preparar o seu alimento quer seja liquido ou sólido.

Recolher colmeias mortas e recuperar cera. 


Março


Dar alimento estimulante às colónias para aumentar numero de abelhas e ter produções de mel superiores pois vai ter mais abelhas campeiras na colheita. (1 quilo de alimento liquido 45 dias da previsão de colocação de alças e 1 quilo alimento liquido 30 dias antes da previsão de colocação de alças).


Nas regiões do Norte e interior, continue os trabalhos recomendados para os meses anteriores. No Sul e litoral, deve recolher já enxames para povoamento de novas colmeias.





Inspecione, todas as colmeias ou cortiços para verificar a presença da rainha, o andamento das posturas e a quantidade de provisões existentes.


Passar os núcleos para colmeias se os núcleos estiverem cheios e só se estiverem cheios.


Colocar os 1ºs sobreninhos se os ninhos estiverem completamente cheios e haja previsão de bom tempo, esta prática deve ser feita te tiver intenção de fazer desdobramentos.




Colocar as 1ªs alças se os ninhos estiverem completamente cheios e haja previsão de bom tempo



Abril


Na generalidade é neste mês que normalmente se procede à apanha dos enxames.




Os trabalhos mais importantes desta época a colocação de alças, a passagem de núcleos para colmeias se os núcleos estiverem cheios.




Colocar os caça pólen se for para produzir pólen.




Também se pode iniciar a criação de rainhas.




Maio


No Norte do país execute as tarefas sugeridas no mês anterior para as regiões do Centro e do Sul.


A colheita só se deve efetuar quando se verificar que as abelhas já não entram com néctar e que o mel nas alças está todo operculado.




A seguir a colheita deve fazer um tratamento a varroa imediatamente.


A cera, proveniente da desoperculação, bem como os favos velhos, devem ser fundidos e purificados para se obter broas de cera e fazer novas lâminas de cera moldada, para os quadros a utilizar na Primavera do ano seguinte.


Junho


No sul, terminam geralmente os trabalhos de extração do mel, que começam no norte e centro do país.


Pode no mesmo dia da cresta fazer pacotes de abelhas com as abelhas que vai ter em excesso nas colmeias e fazer desta forma alguns enxames que vão compensar os que ficam zânganeiros e a mortandade de Inverno. 




Nota: os enxames feitos nesta época pode ser colocados á sombra e no chão pois além da cera não se estragar a rainha tem mais pontos de orientação no regresso dos voos nupciais e os predadores têm mais dificuldade na captura quando regressam a colmeia.
 

Pode também no dia da cresta marcar as colmeias que não tiveram um bom desempenho e quando for oportuno substituir as rainhas dessas colónias.




Quem faz transumância aproveita a seguir a cesta para levar as colmeias para outras florações ou meladas mais tardias.


Nesta altura do ano, sendo já elevada a temperatura ambiente, devem colocar nos apiários, de preferência a sombra alguns recipientes com água e pequenas boias de cortiça que permitam às abelhas pousar nelas para matarem a sede e não se afogarem.


É também conveniente proporcionar maior arejamento a todos os enxames que forem encontrados a “fazer a barba”, isto é, a mostrarem sofrer de excesso de valor. 




Para isso pode colocar as redes ou grades de recolha de própolis que além de produzir mais um produto apícola servem também para arejar a colmeia.


Julho


Continua com a extração do mel, de modo especial nas regiões norte e centro. 


A seguir a colheita deve fazer um tratamento á varroa imediatamente.


A subida da temperatura ambiente aconselha a que se prossiga no arejamento das colmeias e na colocação de recipientes com água e as redes ou grades de recolha de própolis que além de produzir mais um produto apícola servem também para arejar a colmeia.



Agosto


Com o tempo quente, assegure o necessário arejamento às colmeias muito povoadas para evitar que as abelhas saiam para se defenderem do calor. Para isso, pode colocar alças vazias ou pranchetas multifunções. 




Mantenha os bebedouros perto das colmeias se não houver água por perto.


Setembro


É no início deste mês que se cresta o mel de montanha. É um mel de grande qualidade normalmente de melada muito escuro. 





Verificar as reservas das colmeias e se houver falta de alimento pode e dever dar alimento liquido às abelhas, a soma dos quadros com abelhas tem que ter metade com reservas, isto é uma colmeia com 10 quadros de abelhas 5 tem que ter reservas, 8 quadros de abelhas 4 tem que ser de reservas.


No fim do mês e como as colónias já não se vão expandir pode colocar em núcleo as colónias que tenha 5 ou menos quadros com abelhas.


Outubro


Verificar as reservas das colmeias e se houver falta de alimento pode e dever dar alimento líquido às abelhas, a soma dos quadros com abelhas tem que ter metade com reservas, isto é uma colmeia com 10 quadros de abelhas 5 tem que ter reservas, 8 quadros de abelhas 4 tem que ser de reservas.


Faça o tratamento á varroa antes de hibernarem as abelhas.


No litoral este maneio não é valido pois vão iniciar a colheita de eucalipto pelo que será um maneio igual ao indicado para a primavera.


Pode no fim do mês colocar os ponchos nas colmeias e núcleos depois de tratadas e com alimento para o inverno.




Novembro 


A partir deste mês, o repouso é quase absoluto. No entanto, é preciso verificar, de vez em quando, se as colmeias têm alimento e caso seja necessário deve colocar alimento sólido mas ter em atenção o alimento tem que ser colocado antes de estarem com fome pois nesta época se não tiverem nenhuma reserva no ninho vão morrer á fome e com alimento em cima. 

Se necessário, deve inclinar ligeiramente para a frente a colmeia por forma a o escoamento das águas infiltradas e dos condensados a atividade na colmeia.


Se uma colmeia estiver fraca pode tirar um quadro com mel de uma colmeia forte e dar á fraca dessa maneira vai colocar alimento no ninho da colmeia que podia já ter capacidade para o armazenar e se necessário alimenta a que perdeu o quadro para essa mesma não ficar em falta. 


Para reduzir a condensação na colmeia pode colocar um alimentador redondo vazio no buraco da prancheta e vai retirar o excesso de umidade sem que haja corrente de ar na colmeia.


Dezembro


Continue a ter os cuidados recomendados anteriormente.


Aproveite a época de repouso para a preparação do terreno onde plantar árvores, arbustos e outras plantas melíferas, escolhendo as espécies que floresçam em épocas diferentes da flora local.


Pode também limpar os apiários com a roçadora não incomodando tanto as abelhas e por vezes na primavera o tempo não chega para tudo.



Verificar reservas de alimento. 


Recolher colmeias mortas e recuperar cera. 


domingo, 14 de julho de 2019

O incío da apicultura




1. Não se inicie na apicultura sem ter a certeza que gosta de lidar com abelhas.


2. Não inicie com demasiadas colmeias (comece com poucas e vá evoluindo).
 
3. Não imagine que as abelhas pagam sempre as despesas, muitas vezes os gastos são superiores aos proveitos.
 
4. Compre um bom livro e assine uma revista de apicultura. Se puder faça uma formação com apicultores credíveis.

 
5. Não pode pensar que alguns euros gastos são dinheiro perdido.
 
6. Não tente inventar novas colmeias ou novas ferramentas.
 
7. No início não se meta em experiências, deixe isso para aqueles que já têm algum efetivo e se perderem algumas colmeias não os afeta.



8. Não visite o interior de suas colmeias todos os dias deixem as abelhas evoluírem de maneira natural pois o excesso de visitas é prejudicial ao bom desenvolvimento das colónias.



9. Não seja muito poupado no uso de cera coloque sempre laminas inteiras pois para fazer um quilo de cera gastam 6 quilos de mel.

10. Não comece com colmeias de modelos variados.

 
11. Evite bater nas colmeias durante o maneio, porque nada incomoda tanto as abelhas como bater na colmeia.
 
12. Nunca visite uma colônia de abelhas sem dar um pouco de fumo, dessa maneira vai conseguir trabalhar com a colônia calma.
 
13. Não ponha demasiado fumo as colmeias, um pouco de fumo é suficiente.
 
14. Utilize sempre equipamento de proteção para as picadas, nada pior que ser picado no início é o 1º passo para desistir.

 
15. Durante o maneio não use relógios de pulso ou anéis.
 
16. Não hesite em alimentar as colmeias quando elas precisarem independentemente da época do ano.

 
17. Não esqueças as suas abelhas no outono, é nesta época que se devem colocar em boas condições para o inverno.
 
18. Verifique as colmeias no inicio da primavera para se certificar de que elas têm rainhas e provisões.

 
19. No Outono não se preocupe com colônias fracas: tente agrupá-las 2 ou 3 para fazer uma boa (mais vale 4 colmeias boas que 8 fracas) pois uma fraca pode não passar o Inverno.
 
20. Nunca coloque os quadros removidos das colmeias no chão.
 
21. Lembre-se de fechar a entrada da colmeia que vai receber esses quadros removidos das colmeias.
 
22. Não deixe uma colmeia povoada aberta se tiver que se afastar por algum momento coloque a prancheta de agasalho sobre a mesma.

 
23. Faça regularmente (mesmo durante a estação má) uma visita ao apiário para ver se está tudo bem.